Aqui se pretende reproduzir o que se vai passando em Vila Meã. Colabora
Terça-feira, 7 de Março de 2006
Vila Meã vs Amarante

ou a Guerra Norte Sul

 

 

Dizem os órgãos de comunicação social em Amarante que a sessão da Assembleia Municipal do passado dia 25 de Fevereiro foi marcada por uma certa sonolência, aparentemente relacionada com a “desinteressante” Ordem de Trabalhos.

Penso que todas as sessões da Assembleia Municipal se revestem de enorme importância sejam ordinárias ou extraordinárias, todas elas fundamentais para o exercício do poder autárquico e cumprimento de um mandato conferido pelo voto popular.

Se acaso a discussão sobre as questões do Município não são mais intensas ou profundas tal só poderá dever-se à apatia, falta de vontade ou capacidade de intervenção dos deputados municipais, eles próprios a base da assembleia.

Pelos vistos a referida sessão de 25 de Fevereiro não despertou nos deputados municipais, genericamente, grande vontade de intervenção.

Vila Meã salvou a pobreza da discussão Municipal ao tornar-se o objecto da única ocasião em que se reparou estarmos em plenário, num órgão onde a discussão deve representar a essência do mesmo, sem complexos, sem rancores, com cidadania e urbanidade, enfim, democraticamente.

Estou, mais uma vez, grato a Vila Meã pelo contributo.

Porém, e haverá sempre nestas questões um eterno porém, os motivos da abordagem de Vila Meã naquele órgão foram originários de uma doentia preocupação já habitual quando a Vila  Meã se referem a maioria dos deputados não naturais ou residentes neta região.

O assunto, chamado de “Guerra Norte Sul” (sic) por um dos deputados prendeu-se com a eterna questão matemática de verbas atribuídas a Vila Meã, comparadas (como der mais jeito) com verbas para Amarante/cidade. Desta feita o jogo matemático resultava da análise ao somatório das verbas atribuídas pela Câmara Municipal às Instituições do concelho, publicadas pela imprensa amarantina, como impõe a Lei.

Assistiu-se a um desenrolar de comparações matemáticas, instituição a instituição, sub-totais e totais finais ali devidamente dissecados.

Comparou-se o rol das instituições “privilegiadas” com os subsídios, geograficamente disseminadas e rotuladas por serem ou não serem de Vila Meã.

As intervenções, várias, começaram com termos bélicos (a guerra norte-sul), derivaram para questões geográficas de centro-periferia, até que finalmente alguém, arrematou assumindo que a Vila Meã se referia a comparação.

Assistimos a um chorrilho de acusações e comparações que derivam de um erro da parte dos senhores deputados por ignorarem que tal relatório se referia, como impõe a Lei, aos subsídios do último semestre de 2005, já que os atribuídos no primeiro semestre foram publicados, como impõe a Lei, em Julho de 2005.

Veio, despudoradamente, ao de cima o que já todos sabíamos: a Vila Meã devem ser dadas as migalhas, na opinião da maioria dos deputados de amarante-cidade. Para esses Vila Meã conta como contribuinte: líquido na receita municipal; sólido na participação nos actos eleitorais.

Estamos conversados.

(Sublinhe-se aqui a intervenção esclarecedora do ex-vereador responsável pelo Pelouro. Honra lhe seja feita)

Como dizia o tal espanhol: “ no creo en brujas; pero que los hay, los hay…..”

 

Raimundo Carvalho



publicado por RC às 19:02
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De comunidadeduarteblogs.sapo.pt a 4 de Julho de 2006 às 01:11
Prezado amigo Raimundo Carvalho, ´já a algum tempo venho acompanhando os vossos comentários e a sua lindignação pela falta de interesse dos órgãos públicos pela vossa comunidade. Moro no Brasil mas sou filho José Duarte, nascido e batizado nas proximidade desse lugar (Sam Martinho de Recesinhos, Concelho de Penafiel diocese do Porto moradores no logar de Baforeves), como consta na sua Certidão de Nascimento. Quando vivo o mesmo se correspondia com sua irmã, ANA DE JESUS DUARTE, cujo endereço era "Correio da Venda do
Campo - Penafiel". Quando procurava êste lugar - Correio da Venda do Campo, na internet , encontrei o vosso blog, único que menciona VENDA DO CAMPO. Adicionei-o aos meus favoridos na esperança de dar-me algumas informações sôbre sua comunidade, pois é o lugar onde vivem meus parentes e pelo amor e respeito que sempre tive por meu pai, êsse lugar tambem está em nossos corações. Parabens pelo bonito trabalho que desenvolves aí. Abraços do amigo, alldusant@bol.com.br ou duarte66@sapo.pt


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Actividades Culturais

Grandiosas Festas em Real...

Associação Beneficência d...

Novos Corpos Sociais do A...

NOVAS OPORTUNIDADES em Vi...

Eleições no Atlético

Concerto de Ano Novo

ATLÉTICO inicia a revirav...

Atllético volta a desilud...

AC Vila Meã conquista um ...

arquivos

Outubro 2008

Junho 2008

Março 2008

Julho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Junho 2006

Maio 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds