Aqui se pretende reproduzir o que se vai passando em Vila Meã. Colabora
Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2006
CONCELHO de VILA MEÃ - Projecto apresentado

 

Leia aqui o Projecto de Lei 210/X/I    Criação do concelho de Vila Meã



publicado por RC às 15:46
link do post | comentar | favorito

Domingo, 19 de Fevereiro de 2006
TODOS pelo Pavilhão
 


publicado por RC às 22:16
link do post | comentar | favorito

Vilameaníadas no Funchal - CantoI
De tshirts e cachecóis assinalados
Negro rubros, da cor da alma estampados
Alguns do voo, novatos, aterrorizados
Outros, airosos da treta, refastelados.

Por ares nunca dantes navegados
Os primeiros as bochechas apropriaram
De negro, ao pavor bem agarrados
Rubras as faces dessa cor apresentaram.

Riam uns, encolhiam sobrolho os outros;
Mas em todos um só pensar, uma história:
Ir à ilha, e valentes, como só poucos
De lá trazer, decerto, a desejada vitória.

“Esta é a ditosa terra minha amada”!
Povo que sonha, gente que acredita;
Aos desafios ri, não teme nada,
Os azares da desfeita sempre evita.

Perder no terreno, o jogo, em disputa,
Comparados ao desafios que suplantam
Ousando sonhar, sendo a vida curta
“Que outros valores mais altos se alevantam”

E em perigos e ventos esforçados
Ameaçados de que a viagem acabaria mal
Entre suspiros, cagaços , aterrorizados
Com palmas aterraram no Funchal.

Oh terra de túneis e longas vias sem fim
Não temeis vós à chegada do povo forte?
Tremei, João! Carpi, Jardim!
Fugi das vidas, queirais a morte.

Que os “bárbaros” que ora vos aportam
Não usam calções, não trazem oiro;
Se profissionais os Marítimos se não comportam ,
Decerto carpirão, pois vão apanhar no coiro!!

Mas,”Oh glória de mandar, oh vã cobiça”
Não podeis ver em fina mão a certa luva…
Usastes de toda artimanha p’rá noite da liça
Em vez de tempero, nos carregastes com chuva.

Gente manhosa como vós não se imagina:
O Atlético glorioso tratastes como animal:
Recebeste-o num campo feito piscina;
Aos artistas dispusestes um lamaçal!!!!

Povo ardiloso que um João tem à frente;
Só a quem da ilha se admite ser humano;
Diz de nós todos sermos do “cãotenente”
Renega a Nação chamando-nos cubanos.

Armai p’raí em fortes, oh valentes!
Não vos tememos, podeis descansar e já!
Sabei que por termos sido persistentes
Também por aqui nos chamam: “os gajos de Vila Meã”!!!!!!!!!!!!!
RC
noticiasdevilamea.blogs.sapo.pt


publicado por RC às 01:53
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sábado, 11 de Fevereiro de 2006
Obrigado, Atlético
“…àqueles que por artes valorosas
se vão da lei da morte libertando”


Não me parece exagero evocar Camões para abordar a façanha mais recente do nosso Atlético que nos levou a todos a um nível de entusiasmo, honra e orgulho colectivo como não sentia qualquer vilameanense há bastantes anos a esta parte.

Continuará a ser discutível o papel do futebol na sociedade actual...

A recente epopeia do nosso clube provou-nos que, muito para além de todos os seus defeitos e exageros, o futebol sempre será um elemento aglutinador de ideais, sentimentos colectivos, propósitos e vontades, tanto mais identificados com uma sociedade, quanto menor for o seu âmbito de representação.

A prestação do AC Vila Meã na Taça de Portugal foi, ao longo de todas as eliminatórias, uma incessante busca de identidade local e regional por parte de todos quantos, de uma forma ou outra, acompanharam ao vivo, pela rádio, ou por outra forma de comunicação o evoluir dos resultados sempre que nos encontrávamos em prova.
Eliminatória após eliminatória, vibrantemente sentíamos cada ultrapassagem como a subida de mais um patamar na longa escada que nos leva ao ponto mais alto da identidade colectiva onde um só nome predominaria e um só nome desejávamos inscrito, sendo esse o nome de Vila Meã.
Assim o fizemos ao longo de seis difíceis etapas onde o desafio sempre foi elevar bem no alto o nome deste clube que também é o nome desta nossa terra.

A recente deslocação à Madeira representa para todos nós um clímax de exaltação colectiva. Atenda-se ao entusiasmo gerado à volta dessa deslocação; relembre-se constantemente o relevo dado a Vila Meã em todos os órgãos de comunicação social como jamais acontecera; atente-se no interesse demonstrado pelos nossos adversários sobre a realidade da comunidade vilameanense; saliente-se a projecção local, regional e nacional deste feito!
Se o resultado desportivo não pôde corresponder à nossa firme vontade, tal facto em nada esmoreceu a grandiosidade do feito social.
O Atlético honrou-nos a todos: a quem o acompanhou em corpo, na Madeira; quem o viu em directo na televisão; quem ansiosamente aguardou o resultado final; todos quanto, em espírito, comungaram dessa emoção.

Mas foi mais longe o mérito do nosso Vila: honrou, dignificou e elevou a memória de todos quantos ousaram, por todas as formas, contra todas as dificuldades, tornar maior o nome de Vila Meã.

Mérito aos intérpretes: directores, jogadores, técnicos e colaboradores.
Louvor aos associados, simpatizantes e amigos.
Honra ao Atlético!


Raimundo Carvalho
Presidente Ass.Geral do Atlético


publicado por RC às 21:16
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Actividades Culturais

Grandiosas Festas em Real...

Associação Beneficência d...

Novos Corpos Sociais do A...

NOVAS OPORTUNIDADES em Vi...

Eleições no Atlético

Concerto de Ano Novo

ATLÉTICO inicia a revirav...

Atllético volta a desilud...

AC Vila Meã conquista um ...

arquivos

Outubro 2008

Junho 2008

Março 2008

Julho 2007

Maio 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Junho 2006

Maio 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds